Skip to content

Aríete, uma das grandes armas medievais.

20, 06, 2008

Arete     

            Vou voltar a escrever um pouco sobre a época medieval, começando com o aríete, esta excelente maquina de combate que tinha o seu principal foco no ataque a portas, portões e muros de casas, fortalezas, castelos e etc.

            Seu maior momento de utilização era nos cercos que ocorriam na Idade Antiga e Medieval. Em que os atacantes usavam os aríetes para demolir ou enfraquecer as estruturas dos defensores, possibilitando assim as suas tropas entrarem e dominarem tudo.

            O aríete possui diversas formas e estruturas, mas basicamente podemos definir o aríete sendo uma estrutura formada por um longo e rígido tronco de madeira com uma ponta forma de ferro ou bronze. Esta ponta possuía diversas formas e imagens, as mais comuns eram de carneiros da montanha ou pontas de flechas robustas.

            O do porque de se utilizar esta formatura de cabeça de carneiro ou pontas de flechas robustas vem da sua utilização. A cabeça de carneiro e devido ao simbolismo de robusteza, força e poder que o carneiro passava isso eram uma forma de terror psicológico mais também tinha a sua força destrutiva. Esta era ótima para ser usada em portões, portas e estruturas moveis, pois tinha a capacidade de deslocamento de energia maior entre as partes moveis desta forma reduzindo a estrutura e resistência do alvo atacado, despedaçando de forma direta e rápida estes.Já com as pontas de flechas acontecia diferente, estes penetravam nas junções e uniões de muros e paredes para enfraquecer e provocar com a sua entrada o rompimento do mesmo. Estes, como já se diz na sua descrição, já eram mais usados no ataques a muros e paredes.

            Em ambos os casos era necessário um bom numero de contingente de soldados para utilizá-los. Mas não era uma das mais rápidas armas de ataque devido ao seu peso e seu volume, que provocava chance de que os defensores devolvessem o ataque logo, dificultando ou impossibilitando que sofresse ataques com esta arma. Os defensores usam as seguintes defesas, quando tinha capacidade e recursos para isso, o ataque com flechas, com óleos ferventes e o arremesso de pedras. Os atacantes não tinham muito como defender destes ataques oriundos dos seus alvos, que nos primeiros tempos os soldados se dispunham apenas de escudos e armaduras leves. Com o passar do tempo foi se construindo estruturas em voltas do aríete para promover a segurança dos soldados e também fazer uma aproximação maior aos muros e portões do castelo.

            Mas quando conseguiam chegar aos muros e portões, podem acreditar que estas seriam esmagadas pela força que eram impostas por estas maquinas de guerras. Hoje em dia os aríetes foram reduzidas de tamanho e são normalmente usadas por policiais ou bombeiros para adentrarem em uma residência ou área fechada. Em casos de quebra de bloqueio ou adentrar uma parede usam veículos para fazerem isso, estes com um grande aríete de aço em sua parte dianteira.

            Uma arma que veio do passado e ainda garante o seu papel no presente. Cuidado que podem estar batendo em sua porta agora para entrar e se estiverem usando um aríete logo vira a baixo.

torre romana com arete

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. CANECOS6 permalink
    6, 08, 2008 3:25 am

    EU ESTOU PRECISANDO DAS PATENTES DOS EXERCITOS MEDIEVAIS.
    VC PODERIA ME AJUDAR?

  2. marcelo adriano permalink
    23, 12, 2008 8:51 am

    eu tbm EU ESTOU PRECISANDO DAS PATENTES DOS EXERCITOS MEDIEVAIS.
    VC PODERIA ME AJUDAR?

  3. luiz permalink
    9, 11, 2011 2:10 pm

    voce poderia complementar mais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: