Skip to content

Logística da Zona Franca de Manaus

28, 04, 2010

A logística da Zona Franca de Manaus no quesito internacional continua a mesma a mais de 40 anos, já que a rota para transporte de cargas de importação é a mesma, e a única mudança que houve neste período foi o transit time e as tarifas.

Período de 1970

– A rota ASIA/MANAUS na modalidade marítima tinha um transit time de 60 dias para o transporte de importação com o frete do CNTR de 40 no valor de USD 19.000,00.

– A rota ASIA/MANAUS na modalidade SEA/AIR tinha um transit time de 45 dias para o transporte de importação com o frete  no valor de USD 3.50/kg.

– A rota ASIA/MANAUS na modalidade AIR/AIR tinha um transit time de 10 dias para o transporte de importação com o frete no valor de USD 8.00/kg.

– Existia somente 1 navio por mês, 4 vôos por semana.

Período de 2010

– A rota ASIA/MANAUS na modalidade marítima tinha um transit time de 30 dias para o transporte de importação com o frete do CNTR de 40 na media de USD 4.500,00.

– A rota ASIA/MANAUS na modalidade SEA/AIR tinha um transit time de 15 dias para o transporte de importação com o frete  na media de USD 1.50/kg.

– A rota ASIA/MANAUS na modalidade AIR/AIR tinha um transit time de 4 dias para o transporte de importação com o frete na media de USD 3.80/kg.

– Existe de 8 a 12 navio por mês e  vôos diários de aviões cargueiros internacionais.

O que mudou:

– A rota de transporte continua mesma, no caso marítimo a alteração que teve foi a entrada de novos armadores, nas outras modalidades temos as seguintes alternativas:

SEA/AIR – ASIA/LAX (MARITIMO) LAX/MAO (AEREO)ASIA/LAX (MARITIMO) LAX/MIA (CAMINHÃO ou TREM)  MIA/MAO(AEREO)ASIA/MIA (MARITIMO) MIA/MAO (AEREO).

AIR/AIR – ASIA/LAX/MAO, ASIA/MIA/MAO, EUROPA/MIA/MAO, EUA/MAO.

– Os armadores começaram a cobrar as taxas de demurrage, indo contra o contrato de transporte (B/L).

– Os armadores obrigam os importadores a assinar o TERMO DE RESPONSABILIDADE DE SOBREESTADIA para cobrança de DEMURRAGE em conflito com o contrato de transporte (B/L).

– Os agentes de cargas criaram a taxa de collect FEE nos embarque marítimos (que é ilegal neste trafego)

– Novas taxas foram criadas nos anos 90 como acréscimo de frete (FUEL SURCHARGE FEE, TAXA DE COBUSTIVEL, SECURITY SURCHARE FEE, banker pelos armadores e cias. Aéreas, e ate hoje as mesmas continuam validas (eram para cobrar por curto tempo) ( e ate hoje ninguem reclama destas taxas adicionais que era temporario)

– Os agentes de cargas passaram a oferecer o serviço de “costumer service”, e com isto iniciaram o processo de terceirizar a mão-de-obra da atividade de comercio exterior.

– Os despachantes aduaneiros também passaram a oferecer serviços de terceirização de mão-de-obra de comercio exterior e em alguns casos de armazenagem.

– Nos anos 90, os setores de planejamento, compras e importação passou a ser executado pelos agentes de cargas e despachantes aduaneiros, em alguns casos ate a armazenagem e distribuição.

Você sabia????

– A logística movimenta por ano 12% do PIB Brasileiro?

– Em Manaus temos um PIB de R$ 50.000.000.000,00

– Com a agregação de serviços das atividades de logística, aumentou a corrupção dentro das industrias, já que tais valores podem ser obtidos através de acordos, em muitos casos isto pode representar entre 20% a 40% do frete contratado?

– Quase todas as fontes de renda que é utilizado na corrupção vem de cobrança de taxas extras no frete, e em alguns caso é incluído valores (USD 0.20/Kg (aéreo) e USD 200.00(marítimo) nos conhecimentos?

– A falta de conhecimento e auditoria na logística gera a corrupção nas industrias?

– A maior fonte de renda da corrupção é pratica da tarifa “ALL IN”?

– A empresa tem que fazer o “BID” duas vezes por ano, já que há mudanças de tarifas a cada seis meses?

– O Siscomex foi criado para reduzir papel, mais muitos despachantes fazem vários despachos desnecessários em um único embarque visando aumentar seus lucros, e isto pode ser um fator complicador referente ao meio ambiente?

– A falta de controle nas atividades de logística representa uma grande perda para o empresário?

– O “BID” corporativo prejudica a industria local,  já que muitas vezes o que é o melhor para eles no exterior, nem sempre é o melhor para Manaus?

– No “BID” corporativo em alguns casos a industria Manaus tem um custo logístico maior, pois muitas vezes este “BID” prioriza somente o exterior, onde o movimento é maior. E com isto Manaus acaba pagando as diferenças de fretes do exterior.

– Se Manaus adotasse a mesma política de contratação de despacho aduaneiro praticado em S. Paulo teria uma redução de custo de mais de 40% pelo praticado em Manaus?

– Se as empresas retornassem com o departamento de importação teriam um maior controle operacional e com isto a redução de custo será maior do que atual?

– A terceirização do comercio exterior nas industrias por parte dos agentes de carga e despachantes aduaneiro, gerou enorme desemprego, e baixou o nível salarial do profissional de comercio exterior?

– Em muitos casos de terceirização do comercio exterior são agregados ao valor do frete, com isto é gerado uma concorrência desleal e desnecessária, já que aumenta os custos, e esta operação é gerada somente para esconder custos industrial.

– A consolidação de cargas (carga peso + carga cubada) gera ao agente de cargas um lucro com o mínimo de 40% do valor do frete.

– Somente o DEMURRAGE gera uma receita anual no Brasil de + USD1,5 Bilhões por ano.

Fonte: Via6/logística_manaus

4 Comentários leave one →
  1. Fabio Henrique permalink
    24, 08, 2010 10:59 am

    Oi, Estou fazendo um estudo para um empresa localizada no polo da ZFM e gostaria de ter contato com o autor deste artigo.

    Grato,

  2. Eleandro permalink
    20, 06, 2011 10:57 am

    Também gostaria de receber o contato do autor do artigo. Um abraço

  3. Raimundo Souza permalink
    15, 10, 2011 8:57 am

    Estou fazendo Pos Graduação em Comèrcio Exterior, gostaria receber do autor mais artigo sobre o assunto.
    Minha tese será sobre Logística na Zona Franca de Manaus.

  4. hermesmoura68@gmail.com permalink
    28, 02, 2015 9:54 am

    A Logística no Polo Industrial de MANAUS Assim Como no Brasil é uma Piada (SEM GRAÇA )

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: